Pois é. Crise de identidade é um problema...

28.9.03

... um despertador

5:58... 5:59... adoro esse momento! Vamos lá! Vamos lá! É agora! Tocando! Vai acorda! HAHAHAHAHAHA! Esse é o máximo que você consegue? Parece uma mulherzinha! Bate forte! Mais Forte! HAHAHAHAHAHA! Eu sou melhor que Muhammad Ali! Bate de verdade! HAHAHAHAHAHA! Hehe... tá certo, vou desligar agora... Nada como acordar cheio de adrenalina, heim?

- Às vezes eu toco uma hora mais cedo só de sacanagem!

24.9.03

... uma tatuagem de dragão

Cara, olha só eu, olha só! Todo vermelho, maneiríssimo, super bem feito, uma pose do cacete! Quando saio da manga da camisa a mulherada quer me ver, me apertar, diz que sou uma graça, de arrebentar. O pessoal me olha no ônibus, no metrô, os marmanjos dizem que querem fazer um igualzinho a mim! Muito maneiro essa vida de tatuagem, maior responsa.

Mas porra, tô com maior problema! Tô com uma puta coceira no nariz...

E-NÃO-CONSIGO-ME-MEXER!

19.9.03

... uma chave

... tenho medo, eu não fui criada para isso, era para eu ser importante, cuidar do que interessa, proteger o que importa, ele está bêbado, não sabe o que faz, todos sabem como os bêbados são perigosos, eu não queria terminar assim, ele não sabe onde está, eu sei que não estou no lugar certo, essa não é a porta que eu abro, ele me colocou assim mesmo, não dá, não funciona, essa não é a porta que eu abro, ai! Está me machucando, não me force, ai! Grande Chaveiro Celeste, me proteja! Não! Ai! Não!

16.9.03

... a saudade

eu sou uma dor
que dá no peito
que dá no fundo dos olhos

eu também sou febre
que esquenta a pele
que te deixa sem ar

às vezes eu venho como afeto
às vezes, como raiva

mas você não tomará pílulas
você não irá ao médico
porque sou a única coisa
que você realmente tem

eu sou a lembrança
de alguém que deveria estar aqui
mas por uma razão ou outra
não está.

14.9.03

... paradão

Hoje tô assim... vontade de fazer nada.

Não quero escrever, não quero ler, não quero comer, nem ver televisão. Falar, então, nem se fala! Nada de me mexer.

.

.

.

Será que pensando, eu tô mexendo alguma parte do cérebro? Provavelmente... Hmmmm.. Posso não...

Pronto!

Parei!

... um cara preconceituoso
(um “hoje sou” politicamente incorreto!)

Pô! Odeio esse tipo de gente! Odeio mesmo! Olha esses estrangeiros, se achando os bonzões, os tais, os importados! E os nacionalistas, então? Enchendo a boca para falar que são brasileiros, vendo qualidade de primeiro mundo em tudo que é bobagem tupiniquim! Odeio esse povo, odeio mesmo! Odeio os cristãos metidos que se acham os mais virgens, odeio os muçulmanos, que se acham os mais barbudos, os judeus por se acharem os mais narigudos, os budistas por se acharem os mais carecudos e os espíritas por se acharem os mais defuntudos! E os pretos, se achando os mais escuros? E os índios, se achando os mais aborígines? Agora, ruim, mas ruim mesmo é esse pessoal de direita, radical, bando de fascista, que não tem um pingo de visão social na frente do nariz! Iguais a eles só mesmo esse pessoal de esquerda, radical, bando de stanilistas que não tem um pingo de visão econômica na frente do nariz! Aliás político não presta, nem essa cambada que não se envolve com nada, não se compromete e deixa tudo para os outros decidirem! Cara, ruim que nem isso é essa turma que não tem religião, que não é uma coisa nem outra, que não pertence a nada, que não se filia a nada, bando de gente que não fede nem cheira! Agora, o fim da picada, os piores são esses preconceituosos imbecis que só sabem criticar os outros! Contra esses eu sou intolerante mesmo!

11.9.03

... um bando de pombos
(trilha sonora: Cavalgada das Valquirias, de Wagner)

- Líder Azul, aqui é pombo Bravo 2. Possível alvo identificado!
- Entendido! Aproxime-se e faça o reconhecimento!
- Alvo está lendo jornal, mas é de ontem!
- Negativo Bravo 2, negativo! Continue em patrulha!
- Líder Azul, aqui é pombo Bravo 4. Possível alvo identificado à sudoeste!
- Pombos Bravo 2 e 3, efetuem reconhecimento!
- Líder Azul, a camisa do alvo é branca, mas está toda suja de ketchup!
- Abortar! Procurem novo alvo.
- Líder Azul! Líder Azul! Alvo todo vestido de branco ao norte!
- Atenção Pombos Bravo 2, 3 e 4, efetuem reconhecimento a toda a velocidade!
- Líder Azul! O alvo é uma noiva!!!!!
- Confirmado, Líder Azul! Identificamos o buquê, a Igreja e a Limousine!
- Atenção todos os pombos! Alvo ao norte! Preparar bombardeiro!

PLOC PLOC PLOC PLOC PLOC PLOC PLOOOOC!

n.a. Os eventos aqui descritos entraram para a história militar dos pombos como “O Dia da Grande Cagada”.

9.9.03

... um sinal de trânsito

Tá vendo aquele cara lá embaixo? Ele é o meu assistente, e seu nome é Armando. Armando é policial, e nós dois fazemos uma tremenda dupla. Eu fico aqui de cima, controlando o trânsito, e ele, bem... ele dá uma punição para quem não me obedece. Trabalho num lugar muito importante no Centro da Cidade, passo a semana toda mandando automóvel, ônibus e até mesmo caminhão parar. Também deixo as pessoas atravessarem a rua, mas rapidinho, porque o que importa mesmo é o trânsito fluir.

Isso é durante a semana, porque no fim-de-semana isso aqui é um tédio. Nada para fazer. Eu aqui, verdão, sem ninguém para me dar bola. O Armando, olha ele lá embaixo, está bocejando e tudo.

Mas o que é aquilo vindo no horizonte??? Um carrinho branco? Todo feliz? Ele se aproxima... se aproxima... e... AMARELO E VERMELHO!!!! Uau! Esse aí quase deu um cavalo-de-pau. Ha ha, vai Armando, pode multar!

Rapaz... eu adoro o meu trabalho!

8.9.03

... um peido molhado

Dá licença! Dá licença! Deixa eu sair! Deixa eu passar!

Opa! Sai da minha frente você aí!

Ei! Sai de mim! Sai de mim! Desgruda seu cocô mole!!! Desgruda que eu tô saiiiiiiindoooooo!!!
.

.

.

Eu falei pra desgrudar, não falei? Olha só o que você fez! Sujou a calça toda!

... uma lâmpada se queimando

Sinto-me fraca... Não sei... Algo estranho... acontece...

É como... é como... é como se... alguma coisa...

dentro de mim arrancasse de uma só vez todas as minhas forças.

Não sei... acho que... está na hora...

de apag...

(pedido do Rodrigo. Danke schön!)

7.9.03

...um urso panda

Olá. Você deve estar pensando que eu sou bonzinho só porque sou fofinho. Saiba você que eu sou muito, muito, muito mau. Mau e cruel, que nem os meus outros priminhos ursos.
...
Eu demonstraria toda a minha selvageria devorando essas folhinhas de bambu. Mas, infelizmente, mês que vêm é a época em que nós pandas tentamos nos reproduzir, e eu preciso começar a me concentrar. Com licença.

5.9.03

... uma moeda de um centavo

Eu não pedi para ser cunhada.
Eu não pedi para ser tão sem valor...
Mas bem que eu poderia servir de troco no metrô, ou nas lojas de R$1,99.

Por favor.
Por favor, alguém me dê atenção.
Não me deixem aqui!
Por favor, alguém me pegue do chão e me use!
Por favor, não me deixem aqui...

4.9.03

... uma balança de farmácia


Ih... olha aquela dona de novo. Xiiii! Você ganhou uns quilinhos, hein? Tá certo, pode botar a bolsa no ganchinho.

Diminuiu um pouco, viu? O que? Não tá satisfeita não??? Vai tirar o casaco? Mas é tão pouco...

Ainda não está satisfeita??? Tirou a blusa?!

A calça jeans?!

Mas, mas...

Ei! O sutiã não! O sutiã não! São só uns graminhas!!!

(Essa também foi colaboração do estagiário 1,2,3, testando. Valeu estagi!)

2.9.03

... um estagiário

Olá pessoal! Eu estou super feliz de estar aqui! Sabe, eu estou começando aqui agora, e tudo é super legal. Esse é o meu primeiro estágio e consegui logo uma vaga nesse blog super famoso, e isso vai ficar super bonito no meu currículo! E o escritório? Vocês precisavam ver! Assim, super despojado, e tenho certeza que é de propósito, porque ficou super amplo e clean! Tem um poster da Madonna de 1984 na parede, vestida de Material Girl, assim, uma super referência! E o meu chefe? Um cara assim, super legal, mas super ocupado! Quando eu cheguei aqui, ele foi logo dizendo: Tenho que fazer um logon para você! E foi digitando no computador “1, 2, 3, testando”! Ai ele disse que ia comprar cigarros, saiu, bateu a porta e trancou. Caraca, ele deve ser super atarefado, deve ter responsabilidade pacas, porque nem perguntou qual era o meu nome! Quando corri para janela para me despedir do meu novo chefinho, vi ele jogando as chaves numa lata de lixo. Tenho certeza que isso é apenas um teste, para saber se eu sou merecedor ou não de trabalhar aqui! E eu vou dar super duro para mostrar meu valor! No segundo dia dei uma olhada no armário da copa e vi que tem um pacotinho de biscoitos para cachorro. Tá fora da validade, mas não tem problema. Qualquer coisa eu também posso pedir uma pizza, o entregador deve conseguir passá-la por debaixo da porta!

Ai caraca! Que super excitação! Estou louco para o telefone tocar!

... mensagem administrativa

Um ano de blog, um ano de sucesso, a equipe precisa crescer. Por motivos de força maior, entenda-se aqui tempo, este blog anda meio parado. Vocês já devem ter percebido, certo? Mas este problema já está solucionado. Contratamos um estagiário! É isso aí. Em breve ele estará participando ativamente do nosso blog.

Aguardem!